sábado, dezembro 15, 2018
Carros

Motores Antigos, um charme eterno

Os motores de carros antigos eram e, em muitos casos ainda são, bastante diferente daqueles de carros modernos, de carros atuais. Porém uma mudança mas visível pode-se ver no que diz respeito aos motores continuarem com a combustão da gasolina gerando a força que move o automóvel. Porém, os propulsores também evoluíram, e há diferenças entre os mais antigos e os mais recentes.

Os chamados motores antigos estão relacionados àqueles de carros das décadas de 50 e 60, por exemplo. Porém, os mais modernos são mais eficientes, rápidos e também são bem menores. Com relação à eficiência daqueles que podemos ver de décadas anteriores, estes estão de fato bem longe de serem eficientes. Apenas 15% da energia química da gasolina é convertida em potência mecânica para mover o carro.
A rapidez de um moderno não é possível encontrar em um menos recente, ou seja, um carro de décadas passadas chegava aos seus 110 cavalos e hoje em dia, o motor de um carro moderno chega tranquilamente aos seus 200 cavalos, chegando a passar de 200 em alguns carros atuais.

Com relação ao tamanho dos motores antigos, pode-se ver que eles são bem maiores que os atuais, que são mais compactos (com o objetivo de se alcançar mais eficiência). O fato de serem bem maiores os motores de antes não davam uma maior rapidez no motor, o que podemos confirmar que, o propulsor deses motores trabalhavam de forma menos eficiente.